Novidade em 2023, tirolesa tem repercussão positiva com público do #SouManaus

Novidade em 2023, tirolesa tem repercussão positiva com público do #SouManaus

Além de fomentar inúmeros segmentos culturais, por meio da integração artística, o #SouManaus Passo a Paço 2023 também agradou aos que gostam de esportes e experiências radicais. Pela primeira vez no evento promovido pela Prefeitura de Manaus, a tirolesa, uma travessia de pessoas entre dois pontos, suspensas por cabos de aço, foi um grande atrativo para o público presente.

A estrutura foi montada nas proximidades do palco Guardião da Amazônia e os aventureiros puderam curtir o passeio aéreo enquanto aproveitavam as atrações que por lá se apresentavam. Com uma extensão de 125 metros e uma altura de 12,5 metros, a tirolesa levou, no primeiro dia de evento, cerca de 600 pessoas a desfrutarem do esporte com total segurança, uma vez que os usuários foram presos por cintos de segurança reforçados e capacetes.

Quando decidiu encarar a descida eletrizante, o universitário Misael Matos da Silveira não imaginava que aproveitaria tanto esse momento. “Foi uma sensação única. Eu estava com muito medo, mas a equipe estava bem preparada e me conduziu muito bem, me senti muito seguro. Sem contar a vista, que estava espetacular, nunca vi algo parecido, as pessoas cantando, o palco colorido, tudo lindo”, destacou.

Quem também apreciou a vista aérea dos quase 80 mil manauaras que se divertiam ao som de Zeca Pagodinho foi a estudante Isabelle Pereira Guimarães.

“Ver todas as pessoas de cima e a grandiosidade da estrutura foi demais. O visual do evento como um todo estava muito bonito, eu adorei descer a tirolesa”.

Com um público diário estimado em 150 mil pessoas, o #SouManaus Passo a Paço 2023 acontece num complexo de mais de 44 mil metros quadrados, com dez áreas de ocupação, sendo sete palcos e contempla, além dos números musicais, feiras gastronômicas e de artesanato, segmentos artísticos, como dança, teatro, stand-up comedy, literatura, arte visual, circo e cultura urbana (hip hop, bboys, grafiteiros, raps, DJs, slackline, skatistas, bmcross).

— — —

Texto – Sidney William / Semcom

Fotos – Sidney William / Semcom