Prefeitura acompanha finalização da montagem das estruturas do #SouManaus e destaca fortalecimento da cultura

Prefeito acompanha finalização da montagem das estruturas do #SouManaus e destaca fortalecimento da cultura

Para garantir o sucesso do #SouManaus Passo a Paço 2023, o prefeito de Manaus, David Almeida, acompanhou, na noite deste domingo, 3/9, a fase final da montagem das estruturas nas áreas de intervenção cultural no centro histórico. De acordo com o prefeito, o festival vem para fomentar diversos segmentos culturais na capital amazonense.

“Ninguém pode pensar Manaus como cidade pequena. Manaus é uma das maiores cidades do Brasil e do mundo, e a gente está tentando nivelar Manaus por cima. O SouManaus é um evento cultural, gastronômico, um evento do entretenimento, é onde vai ter espaço para circo, para o teatro, para o empreendedorismo, então isso sim é o resgate do centro de Manaus”, acentuou Almeida.

O #SouManaus Passo a Paço é o maior festival de artes integradas do Norte e irá reunir 13 atrações nacionais, uma internacional, o DJ francês David Guetta, e mais de 600 atrações locais de diferentes segmentos, como gastronomia, moda, dança, teatro, cinema, música, artesanato, arte circense, dentre outros.

Promovido pela Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), o evento integra o calendário oficial da cidade de Manaus. De acordo com a Lei 2.526, de 23 de outubro de 2019, deve ser realizado, anualmente, na primeira quinzena do mês de setembro. Este ano, o evento, que chega à sua oitava edição, acontecerá nos dias 5, 6 e 7 de setembro.

O #SouManaus2023 conta com dois palcos principais. Na área portuária, o palco “Guardião da Amazônia”, localizado na plataforma Malcher, alcança mais de 90% das estruturas montadas, e vem com uma proposta diferenciada que promete surpreender o público.

“Estamos a pouco mais de 48 horas do evento, os ajustes já estão sendo feitos, a grande estrutura já está montada, agora é fazer esses ajustes para que na terça-feira a gente possa começar a celebração desse que se avizinha como maior evento que esta cidade já teve, e eu estou aqui muito feliz em poder estar vivendo esse momento”, completou o prefeito.

Com cerca de 23 metros, o monumento do palco traz o conceito da ancestralidade, como explicou o diretor-presidente da Manauscult, Osvaldo Cardoso. “A mensagem que a Prefeitura de Manaus quer passar para o mundo é essa. Primeiro a gente fala da nossa ancestralidade, que é de onde nós viemos; e falamos também das inovações tecnológicas, que é para onde nós estamos indo; e a sustentabilidade, que é o que nós precisamos aqui na Amazônia”.

Acesso

Durante a visita ao complexo, David Almeida reforçou que as pulseiras são para o acesso em apenas dois dos sete palcos do festival, e que o evento conta com áreas livres.

“As áreas estão todas livres, só tem acesso de pulseiras em dois palcos. Nós temos outros palcos, temos praça de alimentação, espaço de gastronomia, economia criativa, artesanato, todas essas áreas são livres, as pessoas vão ter várias opções, além dos dois palcos principais”, garantiu o prefeito. 

———-

Texto – Beathriz Torres / Semcom e Divulgação/ Manauscultt
Fotos – Ruan Souza / Semcom
Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHBqjATnZH