Prefeitura intensifica monitoramento de trânsito para o ‘#SouManaus Passo a Paço 2023’

Prefeitura intensifica monitoramento de trânsito para o ‘#SouManaus Passo a Paço 2023’

Agentes de trânsito da Prefeitura de Manaus, por meio da coordenação do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), estão com efetivo desde o último dia 30/8 na área central da cidade, realizando o monitoramento das vias que farão parte do circuito de itinerário para a realização do “#SouManaus Passo a Paço” nos dias 5, 6 e 7/9. Diariamente, 20 agentes fazem rondas com motocicletas e viaturas, além de atuarem nos postos fixos de fiscalização.

“O principal objetivo da ação é garantir a segurança e a fluidez do trânsito durante o evento, minimizando o impacto para os moradores da região. Queremos assegurar que o evento ocorra de forma tranquila e segura para todos os envolvidos, nossos agentes e fiscais de transportes já estão, desde o último dia 30/8, realizando o monitoramento das vias e colaborando para a segurança viária dos trabalhadores que estão montando a estrutura do evento”, informou Stanley Ventilari, diretor de operações de trânsito do IMMU.

Até o momento, algumas vias e trechos da área central já foram interditados para o fluxo de veículos e transporte urbano em preparação para o evento “#SouManaus Passo a Paço”. As interdições incluem a rua Governador Vitório, no trecho entre a avenida 7 de Setembro e a rua Visconde de Mauá, o segmento da rua Padre Ghislândy até a 7 de Setembro também está fechado. A avenida 7 de Setembro, entre a Epaminondas e a rua Governador Vitório, está igualmente interditada, como também a praça Dom Pedro também se encontra fechada para o tráfego.

Interdições a partir das 6h de 5 a 7/9

Rua Governador Vitório entre as ruas Padre Ghislandy e Visconde de Mauá (acesso local apenas para moradores, trabalhadores do evento e da Marinha).

As ruas Frei José dos Inocentes e Bernardo Ramos, entre a avenida Epaminondas e a rua Governador Vitório (acesso local).

A avenida 7 de Setembro entre a rua Taqueirinha e a avenida Epaminondas.

A rua 15 de Novembro terá interdição entre a rua Visconde de Mauá e avenida 7 de Setembro.

A partir da rua 10 de Julho em ambos os lados da via, entre as ruas Luiz Antony e avenida Eduardo Ribeiro será proibido o estacionamento de veículos. A medida é necessária para que o corredor viário seja utilizado pelos ônibus do transporte público.

9h

A avenida Epaminondas entre as ruas da Instalação e Padre Ghislandy, será interditada para a circulação de veículos e transporte público. Toda a frota do transporte coletivo vai ser desviada para a rua da Instalação.

15h

A rua Luiz Antony entre as ruas 10 de Julho e Padre Ghislandy, terão o fluxo de veículos desviado para a rua 10 de Julho.

19h

Todo o corredor viário da Epaminondas será de circulação exclusiva para o transporte coletivo, com a triagem iniciando na avenida Leonardo Malcher com Constantino Nery. Todo o fluxo de veículos será desviado para a rua 10 de julho, inclusive o transporte coletivo. Os agentes estarão monitorando o local.

Haverá a Interdição da rua Lobo D’Almada entre José Clemente e 10 de Julho, desvio do fluxo para a José Clemente.

As linhas de ônibus vão seguir o percurso normal pela avenida Epaminondas até a 10 de julho, onde serão desviadas para a mesma.

Opções de alterações no itinerário de ônibus.

Uma outra rota para os ônibus serão os desvios para a rua 10 de Julho até a avenida Getúlio Vargas, seguem no sentido bairro/Centro e convertem à esquerda para a avenida 7 de Setembro, ou no sentido Centro/bairro em direção ao T1 ou para o bairro.

Outra opção de itinerário para os coletivos serem desviados são: desvios à esquerda para a rua 10 de Julho, após à esquerda para a rua Ferreira Pena em direção ao T1, ou acessam à direita a rua Silva Ramos, seguir pela avenida Tarumã até a avenida Getúlio Vargas seguindo no sentido bairro/Centro, até a avenida 7 de Setembro.

O IMMU reforça que a partir das 19h, o corredor viário da avenida Epaminondas será prioritário para a circulação dos ônibus do transporte público. Além dessa medida, as linhas que sofrerão mudança no trajeto serão informadas com antecedência para que o usuário se programe e tenha acesso ao transporte público.

— — — 

Texto – Marcelo Lima / IMMU
Foto – Divulgação / IMMU