Rock nacional de Biquini invade ‘#SouManaus 2023’ e encerra segunda noite com apresentação memorável

Rock nacional de Biquini invade ‘#SouManaus 2023’ e encerra segunda noite com apresentação memorável

O maior festival de artes integradas da região Norte, o “#SouManaus Passo a Paço 2023” é palco para todas as expressões culturais e ritmos musicais. Um dos estilos mais apreciados pelo público manauara, o rock contou com artistas locais e com os representantes já consagrados no cenário nacional, como a banda Biquini, que fez um show memorável nesta quarta-feira, 6/9, para encerrar a segunda noite do Palco Amazona.

Tocando um repertório que reúne o melhor do rock, pop nacional e internacional, a banda Overload, uma das mais antigas em atuação no rock amazonense, ganhou a galera que esteve presente no palco Amazona, o segundo maior do festival. A vocalista Ana Terra agradeceu a oportunidade de se apresentar na megaestrutura do “#SouManaus”.

“O festival está gigante e muito bonito, nem se compara com a primeira edição. Estou bem surpresa e ao mesmo tempo feliz com um evento como esse, no centro da nossa capital, que reúne artistas e a população de várias zonas da cidade. Só tenho a parabenizar o prefeito David Almeida pela iniciativa”, disse Ana.

Com 38 anos de uma carreira de sucesso, a banda Biquini foi a grande atração da noite no Amazona e não desapontou o público. Com músicas que marcaram a geração dos anos 80, o grupo traz no setlist clássicos como “Tédio”, “Vento Ventania” e “ Quando eu te encontrar”, que o consagrou no cenário do rock nacional.

Conhecido por ter uma performance animada e de grande intimidade com o público que só anos de estrada proporcionam, o vocalista Bruno Gouveia, contou sobre a apresentação embalada por canções que contam a história de uma das maiores bandas do país.

“Eu estou muito feliz de estar aqui e tenho lembranças ótimas de vários shows que já fizemos em Manaus. Está um clima gostoso e a noite será uma viagem no tempo na nossa história, desde a primeira música que fizemos, e vamos lembrar grandes sucessos do Biquini e fazendo reduções de algumas gravações de colegas do rock, o pessoal vai curtir bastante”, ressaltou o vocalista do Biquini, Bruno Gouveia.

Uma legião de fãs aguardava ansiosa pelo show da banda Biquini, que subiu ao palco pouco mais das 22h40. De casais mais velhos aos jovens, a apresentação dos cariocas uniu o público, que não perdeu a oportunidade de ver os ídolos de perto e curtir os clássicos.

O advogado Rainey Gomes, de 44 anos, contou que conheceu a banda carioca na adolescência e que as músicas do Biquini têm uma relação importante na sua vida. “Está sendo uma experiência maravilhosa essa noite, porque eu curto o Biquini há mais de 20 anos, uma das melhores do rock nacional para mim. Então, está sendo incrível e muito especial”.

Quem também marcou presença na noite do “rock” no palco Amazona, foi a pedagoga Angela Oliveira, de 52 anos, que veio do município de Manacapuru para participar pela primeira vez no “#SouManaus 2023”. “Amei o festival, tudo bem organizado e estruturado, está ótimo ouvir bandas dos anos 80. Quem ainda não veio está perdendo um espetáculo”.

No meio da galera também estava a dentista e empresária Sorene Veloso, de 57 anos, acompanhada do marido e amigos. Acumulando mais uma ida ao evento, ela destacou a diversidade do maior festival de artes integradas do Norte.

“Acho que tem que continuar com essa pegada, porque atinge todos os públicos. A gente é mais velha e o festival atendeu as nossas expectativas, estamos relembrando a nossa adolescência, ouvindo Lobão e Biquini, que eu amo.”

— — —

Texto – Hellen Miranda / Semcom
Fotos – João Viana / Semcom
Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHBqjATMSt